Com o coracão apertado…

Ucrânia x Criméia X Rússia

Alguém já parou para pensar que estamos um um risco eminente de uma guerra? E que esta guerra pode facilmente tornar-se a 3o. guerra  mundial? Que Putin está simplesmente repetindo os passos dados por Hitler em 1930? Que a Rússia não é mais a União Soviética, mas ainda tem um poder enorme e um louco ditador no poder?

Eu nunca imaginei que poderia viver uma situação destas na minha vida, e o que é pior, morando aqui na Suécia estou muito perto do olho do furacão. O mais perto de uma guerra que havia chegado foi durante os anos 80 quando Argentina e Inglaterra lutaram pela posse das Ilhas Malvinas, que por sinal nunca entendi o porquê daquela região ter que pertencer a uma nação tão distante, mas enfim…

Embora para os repórteres Putin diga que está apenas dando o suporte político para a Ucrânia e o presidente deposto Viktor Yanukovich, nada é confiável. É difícil engolir que a Rússia não tenha planos escusos por traz de toda esta situação como a retomada da Criméia e o livre controle/acesso do Mar Negro.

Enfim, não quero entrar no mérito da questão política envolvida no conflito, mas registrar que por aqui o sinal de alerta já foi acionado faz um tempo. O governo sueco já enviou aviões e soldados para Götaland, região que foi visitada por submarinos russos em meados dos anos 80 devido à erros de navegação, segundo declarações do governo Russo. A Rússia sempre foi considerada uma ameaça eminente à soberania sueca, mesmo que o status tenha sido revogado à alguns anos atrás.

Eu, como moro próximo à uma base militar tenho notado que o número de exercícios aéreos tem aumentado consideravelmente, com os Hércules (aviões para transporte de carga e passageiros) e os Gripens (mesmo modelo dos caças comprados pelo Brasil). É para se ficar com a pulga atrás da orelha, mas por outro lado, é muito legal ver estas máquinas sobrevoando a área com tamanha força chegando a fazer a casa tremer.

Para entender melhor a minha proximidade do problema, abaixo coloco um mapa destacando as principais áreas de atenção:

  1. Criméia, no Mar Negro, principal área do conflito.
  2. Fronteira entre Rússia e Finlândia. Mesmo alegando não ter qualquer outra intenção que não seja proteger os interesses dos cidadãos de etnia Russa moradores da Ucrânia, a Rússia colocou um efetivo de aproximadamente 4.000 soldados na região. Para quê, só Putin sabe!
  3. Território Russo
  4. Território da Ucrâniano
  5. Região na Suécia onde moro

Mapa-2 Brasil

É engraçado parar para pensar sobre esta minha agonia sobre uma guerra que pode vir a acontecer, mas que no fundo ninguém sabe ao certo. Creio que devido a minha paixão pelos filmes e documentário sobre a 2o. Guerra, Holocausto, Hitler e afins me faça ficar mais apreensiva sobre o que pode ou não se tornar realidade, quando na verdade já vivi no meu Brasil situação muito mais complicada.

No Brasil já sofri:

  • 2 vezes arma apontada para mim durante assalto;
  • Uma vez, a bendita engatilhada e batendo contra o meu rosto, sendo que um simples disparo poderia acabar com a minha vida e de meu irmão mais velho, que estava sentado ao meu lado no ônibus, com uma única bala;
  • Já sofri também assalto sendo ameaçada com uma faca em plena Av. Presidente Vargas, no Rio de Janeiro, a caminho do trabalho. Por sorte, consegui manter a calma e conversar com o assaltante ao ponto de ele me deixar um vale transporte para voltar para casa e um vale-refeição para não me atrapalhar “o dia de serviço”. Chega a ser cômico se não fosse trágico;
  • Já vi pela janela do meu apartamento na Pavuna, também no Rio de Janeiro vários conflitos entre bandidos da favela do Chapadão e os policiais do Bope, sob várias rajadas de “traçante”;
  • Já vi o dono da boca-de-fumo atirar na mão de um moleque que assaltou a minha casa como castigo por sermos uma família que não causávamos problemas para o “movimento”;
  • Já tive um primo assassinado por traficantes (ok, neste caso específico ele não era uma mera vítima inocente);
  • Já fui assaltada por pivetes à caminho da escola em Salvador, na Bahia, e por aí vai uma lista infindável de casos…

O problema é que nós nos acostumamos com o nosso cotidiano e isso passa a ser “normal”. Hoje, morando aqui na Suécia, um país mais organizado e seguro eu desacostumei deste “normal” e a simples possibilidade de um conflito em um país visinho já abala a minha paz.

O negócio é torcermos por um bom censo entre Rússia e Ucrânia para que as coisas voltem ao seu normal, e a população daqueles países possam enfim voltar ao seu rítmo de vida rotineiro e seguro.

Ok, hoje eu viajei um pouquinho nos meus devanieos e aflições, mas creio que isto também faz parte da vida…

Kram och puss 😉

2 ideias sobre “Com o coracão apertado…

  1. SunLight

    Olá Karine,
    Desconhecia esse “conflito” dos anos 80 entre Suécia e Rússia.
    Penso que a Suécia não participará neste conflito, se vier a ocorrer, por não ser membro da NATO(OTAN), se não estou em erro. Já a Dinamarca e Noruega são membros.
    Vamos ser otimistas. Acho q no presente, a tomada de decisão por uma guerra envolvendo vários países é mto pensada. É motivo de mtas reuniões, de mta diplomacia.
    Recentemente, ficamos atentos e achando q teria um conflito com a Córeia do Norte, e não houve, só provocações.
    O Putin é o q é, e todos sabemos q não é de confiança. Mais tb acho q a retirada do presidente em vigor, não foi feita da melhor forma. Não conheço bem a política naquele país, mas penso q ele foi eleito por votos. O próprio país está dividido entre uma aliança com a Europa ou com a Rússia. Complicado.
    Na verdade, há interesses por aquela região não só da Rússia (devido a localização da Crimeia- mar Negro), mas tb há interesses comerciais por parte dos EUA, visto q mtas empresas americanas foram para aquela zona da Europa, devido aos baixos custos de implantação e salários. E, nessa briga entre os 2 grandes, somos juntos com o povo ucraniano, as grandes vítimas.

    Curtir

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s