Arquivo da tag: La vie en rose

Um chá com Edith Piaf

2015-03-14 18.44.05

Na sexta passada, dia 6, estive na Svenska Kyrkan aqui em Lidköping para comprar bilhetes para um concerto que acontecerá amanhã na Nicolaikyrkan. Enquanto aguardava a recepcionista que estava ao telefone me atender, ouvi em sua conversa que uma outra pessoa, responsável pelo local, estaria na Igreja no show de Edith Piaf.

Sei bem que Edith Piaf faleceu há muitos anos, bem antes mesmo que esta que vos escreve nascer, por isso sei que qualquer concerto em sua homenagem à ela não pode ser feito por qualquer principiante inexperiente. Quando a atendente desligou o telefone, eu me desculpei por ter ouvido sua conversa,  e perguntei se era algum evento que estaria acontecendo na igreja e se eu poderia assistir. Ela disse que sim, porém, não seria na igreja e sim no salão paroquial, do outro lado da praça, e que começaria em alguns instantes. Se eu quisesse assistir não teria problema algum, mas o bilhete custaria 100kr. Paguei pelo bilhete e pelos outros que fui buscar para o concerto e me apressei…

Chegando em Nicolaigården que eu fui olhar no bilhete, e descobri que além do concerto, seria servido também um fika (afinal, estou na Suécia, e fika é mais do que um tradicão, é um ritual). Era quase uma reunião da terceira idade sueca, mas com uma atmosfera muito agradável. Degustei alguns muffins deliciosos e muito chá enquanto aguardava a apresentacão. Fiz, inclusive, alguns amigos 😉

edith-piaf32933

Logo à seguir, foram apresentadas a cantora Ida Andersson, e a pianista Annika
Pålsson, que seriam responsáveis por uma apresentacão impecável juntamente com uma narrativa sobre a vida de Edith. Uma espécie de time-line entre fatos da vida e músicas que representavam o momento em questão. Tudo delicadamente preparado e apresentado para o nosso deleite. Ida Andersson, embora pequena é dona de uma voz incrível, com uma entonacão que muitas vezes aproximava-se da voz de Piaf a ponto que fechando os olhos dava para imaginá-la alí.

Enfim, foi um happy hour inesperado, mas muito prazeroso, que espero repetir muitas vezes. Afinal, nada acontece por estas bandas. Quando acontece, geralmente eu estou escalada e trabalhando. Creio que assim como eu, deva ter mais pessoas que apreciem uma boa música, e conheça a obra de um dos maiores ícones de todos os tempos.

Sobre Édith Piaf

Édith Giovanna Gassion, (Paris, 19 de dezembro de 1915 — Plascassier, 11 de outubro de 1963), ou simplesmente, Édith Piaf foi uma cantora francesa de música de salão e variedades, mas foi reconhecida internacionalmente pelo seu talento no estilo francês da chanson.

O seu canto expressava claramente sua trágica história de vida. Entre seus maiores sucessos estão “La vie en rose” (1946), “Hymne à l’amour” (1949), “Milord” (1959), “Non, je ne regrette rien” (1960). Participou de peças teatrais e filmes. Em junho de 2007 foi lançado um filme biográfico sobre ela, chegando ao cinemas brasileiros em agosto do mesmo ano com o título “Piaf – Um Hino Ao Amor” (originalmente “La Môme”, em inglês “La Vie En Rose”), direção de Olivier Dahan.

Édith Piaf está sepultada na mais célebre necrópole parisiense, o cemitério do Père-Lachaise. Seu funeral foi acompanhado por uma multidão poucas vezes vista na capital francesa. Hoje, o seu túmulo é um dos mais visitados por turistas do mundo inteiro.

Leia meia sobre a vida de Piaf aqui

Espero que tenham gostado. Vi ses! 🙂